Home / Destaques / Operações especiais na Semop tem decreto publicado

Operações especiais na Semop tem decreto publicado

alexA edição desa segunda-feira (03) do Diário Oficial do Município (DOM) traz a publicação do decreto que regulamenta a Operação Especial de Ordenamento das Atividades em Logradouros Públicos e de Fiscalização Sonora 2017”, no âmbito da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop).

De acordo com o texto no DOM, ficam reservados para efeito de fiscalização e controle do comércio eventual ou rotineiro em toda capital baiana o valor de R$ 613.306,00 (seiscentos e treze mil, trezentos e seis reais); enquanto para ações de meio ambiente saudável e contra a poluição sonora o valor de R$ 73.975,00 (setenta e três mil, novecentos e setenta e cinco reais).

A diretoria do Sindseps junto com a Associação dos Servidores da Semop (Assesp) mantinham essa cobrança aos gestores da pasta como forma de garantir o pagamento das jornadas especiais realizadas pelos servidores do órgão. A publicação do decreto estabelece os critérios para a participação na Operação Especial.

Para o diretor do Sindseps, Alex Mendes, a publicação do decreto sempre foi objeto das intervenções do sindicato e da Assesp junto à gestão. “Toda vez que vínhamos para reuniões com as gestões da Semop e também da Semge [Secretaria de Gestão] questionávamos a falta de regulamentação das operações especiais. Nossa percepção era de que não poderíamos ficar à mercê de entendimentos diversos sobre a nossa participação na jornada especial. Esse questionamento sempre foi necessário para atender aos interesses de nossos colegas. A nossa conduta vai na direção de que representamos a vontade coletiva e nunca abriremos mãos dessa condição para defender esses direitos”, assinalou Mendes que também faz parte da direção da Assesp.

Clique aqui e confira a íntegra do decreto.

Além disso, verifique

Vacinação de todos servidores municipais continua sendo buscada pelo Sindseps

As escolhas dos grupos iniciais dentro das prioridades no grupo de profissionais de saúde para ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.