Home / Destaques / Começou a #campanhasalarial2016: assembleia constrói a pauta de reivindicações da categoria

Começou a #campanhasalarial2016: assembleia constrói a pauta de reivindicações da categoria

20160121_183354Um processo coletivo e democrático. Assim foi a assembleia para construção da pauta da #campanhasalarial2016 dos servidores municipais. O encontro que aconteceu na sede do sindicato, no início da noite desta quinta-feira (21), permitiu que as reivindicações da categoria fossem elencadas e discutidas conforme a necessidade dos trabalhadores e trabalhadores.

O documento elaborado integra as propostas de interesse coletivo e será entregue para conhecimento dos titulares da Secretaria Municipal de Gestão (Semge) e demais secretarias do serviço público municipal. A intenção é que a administração possa realizar seus estudos de impacto e iniciar as negociações da #campanhasalarial2016.

O coordenador geral do Sindseps, Everaldo Braga demonstrou bastante confiança nos resultados desta #campanhasalarial2016. Para ele, o momento é propício para reafirmar a mobilização da categoria. “O que vimos na jornada de 2015 foi algo surpreendente. Houveram momentos de intensa união e aquilo foi preponderante para o prefeito entender que enfrentava uma vontade coletiva. Em 2016, a Lei Eleitoral é o trunfo que pretendem utilizar para barrar nossas reivindicações. Por isso, começamos a campanha salarial logo neste mês de janeiro. Não aceitaremos argumentos vazios de que o tempo expirou. Para tal, temos que estar juntos e mobilizados no enfrentamento. Mostraremos novamente que somos uma força viva na capital baiana. Sigo confiante, pois sei que estou ao lado de homens e mulheres honrados e que não fugirão da batalha”, afirmou Braga.

A íntegra do documento será disponibilizada neste site logo após a entrega nos órgãos. Então, fique ligado e #vempraluta com a gente!

Além disso, verifique

Vacinação de todos servidores municipais continua sendo buscada pelo Sindseps

As escolhas dos grupos iniciais dentro das prioridades no grupo de profissionais de saúde para ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.